Com apoio do governo, seminário destaca ancestralidade de mulheres e anciãos indígenas

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, março 21, 2017 as 10:58 | Voltar

Foi realizada na noite desta segunda-feira (20), no auditório do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, a abertura do evento “Ancestralidade Mulher e Sábios Indígenas", com apoio do Governo do Estado por meio da Secretaria de Cultura e Cidadania (SECC) e Subsecretaria de Políticas Públicas para População Indígena.

O encontro se estende até o dia de hoje (21), no mesmo local, reunindo dois segmentos importantes dos Povos Indígenas que são as mulheres e os Anciãos, sábios na formação educação, formação, e estratégias para a qualidade de vida de seus Povos.

Participaram da abertura o secretário de cultura e cidadania, Athayde Nery, o embaixador do Canadá no Brasil Riccardo Savone, o articulador internacional dos direitos indígenas Marco Terena, a Subsecretaria de Políticas Públicas para População Indígena, Silvana Dias de Souza Albuquerque, o diretor da Fertel (Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e Televisão) jornalista Bosco Martins, entre outras autoridades.

O seminário lembra que no ano de 2017 se comemora os 10 anos da Declaração Universal dos Direitos dos Povos Indígenas pela ONU (Organização das Nações Indígenas). A subsecretária de Políticas Públicas para População Indígena, Silvana Terena também destacou que o evento vem de encontro com a Semana dos Povos Indígenas que será realizada de 26 a 29 de abril.

Para o secretário Athayde, as políticas de diálogo criadas no governo atual são de extrema importância para os povos indígenas do Mato Grosso do Sul. “Foi criada a Subsecretaria de Politicas Públicas para a População Indígena, bem como um dialogo permanentemente como os povos indígenas. Este encontro vem pra reforçar esta comunicação e também o apoio do governo à Semana dos Povos Indígenas”, acrescentou.

Na solenidade, houve apresentação da Orquestra Indígena de Campo Grande, regida pelo maestro Eduardo Martineli, além do Canto da Mulher Indígena, com a anciã terena Miguelina da Silva. Agora pela manhã acontece a Celebração Espiritual e Cultural, com o indígena Catalino Kaiowá, depois a 1º Plenária: Mesa sobre os Direitos Humanos da Mulher, 2ª Plenária: Mesa sobre o Modelo de Vida dos Anciãos e seus Conhecimentos e a 3ª Plenária: Mulheres e Anciãos em Diálogos – A construção de um novo Processo.

Confira a programação:

21/03 – Terça – Feira

8h00- Celebração Espiritual e Cultural – Catalino Kaiowá

8h15/9h15 – 1º Plenária: Mesa sobre os Direitos Humanos da Mulher

Palestrante: Conselho Nacional das Mulheres Indígenas

Testemunho: Vanessa Xerente e Linda Terena

Coordenação: Aristela Bakari

9h30/10h30 – 2ª Plenária : Mesa sobre o Modelo de Vida dos Anciãos e seus Conhecimentos

Palestrante: Secretaria dos Direitos Humanos

Testemunho: Ancelmo Clementino e Edna de Souza

Coordenação: Lisio Lili

10h30/10h50 – Café

11h00/12h30 – 3ª Plenária: Mulheres e Anciãos em Diálogos – A construção de um novo Processo

Palestrante: Coordenação da Mulher Indígena do ITC

Testemunho: Aguida Roberto, Turu e Dionísio Antonio

Coordenação: Janete Lili Azambuja

13h00/14h00 – Almoço

14h30/16h00 – Apresentação do Relatório Final – Elisangela Candelaria da Silva e Danielly Coletti

17h00 – Recomendações e Propostas – Marcos Terena

Texto e fotos: Alexander Onça - Secretaria de Cultura e Cidadania)

Publicado por: tmotta@fazenda.ms

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.