“Cultura é definição de rumo civilizatório”, diz Athayde em palestra do PROSIMC

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, julho 13, 2015 as 15:32 | Voltar

Realizado pela Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação (Sectei), o 1º Ciclo de Seminários Regionais do Projeto de Apoio à Estruturação dos Sistemas Municipais de Cultura em Mato Grosso do Sul (PROSIMC), aconteceu nesta segunda-feira (13), em Campo Grande, no auditório do Museu de Arqueologia da UFMS (Muarq).
O encontro reuniu gestores culturais e representantes dos municípios da microrregião de Campo Grande, como Terenos, Sidrolândia, Ribas do Rio Pardo, Glória de Dourados, Tacuru e da capital morena.

Otimista, o secretário Athayde Nery elogiou o interesse crescente dos gestores em formalizarem a criação de seus planos e sistemas municipais de culturais.

“Cultura é definição de rumo civilizatório, e é isso que tenho observado nos municípios do Estado que tenho viajado. Tenho conversado com os gestores e percebido a vontade de mudança, de construir mecanismos de produção que definam seus rumos. É disso que precisamos. De pessoas comprometidas em construir políticas públicas de Estado para o setor, políticas que perdurem no futuro e que evoluam a cada mandato. Se todos os municípios se organizarem nesta questão, todo o Estado evolui junto”, afirmou o secretário.

Para a secretária adjunta da Sectei, Andréa Freire, a consolidação da inclusão institucional da cultura no Estado deve ser interpretada como uma missão humana e social por cada um dos responsáveis.

“Todo povo tem sua cultura, o que fazemos é reconhecer a cultura de cada município, sua riqueza e seu valor, e a partir disso contribuir na aproximação de sua relação com o Estado e com a União. Todos somos missionários e o resultado dessa missão nos engrandece como seres humanos e como gestores, que, reconhecendo nossa identidade cultural, colocaremos o nome do Mato Grosso do Sul onde ele merece”, declamou Andréa.

Além dos representantes dos municípios da microrregião de Campo Grande, estiveram presentes o assessor de projetos da Superintendência de Economia Criativa, Baldinir Bezerra, o chefe da Assessoria de Projetos da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), Vitor Maia e a superintendente de economia criativa, Claudia Medeiros. Juntos, ministraram palestras do PROSIMC aos gestores presentes.

“Temos que fortalecer nosso mercado interno. Mato Grosso do Sul precisa conhecer o Mato Grosso do Sul, e essa implementação só vai fortalecer nosso contato, aproximação e consequentemente nosso mercado”, visualizou Vitor Maia.

Mesmo passando por períodos de dificuldades devido as crises políticas na prefeitura, a assessora de projetos da Fundação Municipal de Cultura de Campo Grande (Fundac), Maria Auxiliadora M. Pereira lembrou que a capital do MS foi a primeira do país a desenvolver o plano municipal de cultura, quando ainda o secretário Athayde Nery era o presidente da instituição.

“Não podemos deixar de lembrar que foi graças ao Athayde que Campo Grande saiu a frente em todo o país e criou o plano municipal, em 2009 quando tínhamos ele na presidência. Hoje passamos por dificuldades enormes, em quatro anos já tivemos 6 secretários, mas nós efetivos temos a obrigação de perseverar e lutar pelo desenvolvimento da nossa cultura”, lembrou Auxiliadora.
O Iº Ciclo dos Seminários Regionais do Projeto de Apoio e Estruturação dos Sistemas Municipais de Cultura – PROSIMC continua amanhã com os municípios da microrregião de São Gabriel do Oeste, lá mesmo na terra do Porco no Rolete.

Mais informações pelos telefones (67) 3316-9329 (Superintendência de Economia Criativa-SECTEI/MS) e (67) 3316 9170 (Assessoria de Projetos FCMS), ou através dos e-mails: economiacriativasectei@gmail.com /fcmsprojetos@gmail.com

IMG_4907

IMG_4909

IMG_4912

IMG_4914

IMG_4922

IMG-20150713-WA0009

Texto e fotos: Alexander Onça

Publicado por: tmotta@fazenda.ms

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.